Crise pode fechar 150 mil bares e restaurantes no país

Levantamento mostra que um em cada seis donos de bares ou restaurantes pensa em fechar o estabelecimento ou passar o ponto nos próximos meses.

Um levantamento feito pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) mostra que um a cada seis donos de bares ou restaurantes estudam fechar o estabelecimento ou repassar o ponto nos próximos meses por conta da crise.

De acordo com o levantamento, em 84% dos casos o motivo para a decisão é o prejuízo acumulado por conta do aumento dos custos somado à queda no faturamento. No total, 150 mil estabelecimentos do país correm risco de fechar, o que terá impacto direto no aumento do desemprego.

“São números assustadores, com reflexos extremamente dramáticos. Isso vai impactar a economia e pode gerar mais demissões”, disse o presidente da Abrasel Paulo Solmucci Jr., em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

O levantamento mostra que empresários que se anteciparam à crise conseguiram sobreviver aos seus efeitos. A grande maioria apostou em elaborar novos cardápios e oferecer promoções. Outros, investiram em automação para aumentar a produtividade. Segundo a Abrasel, alguns desses estabelecimentos conseguiram até mesmo expandir seus faturamentos entre 5% e 15%.

Segundo Solmucci, a previsão é que o cenário melhore a partir do ano que vem. “Em 2017 já enxergamos crescimento”.

http://economia.estadao.com.br/noticias/geral%2cpais-pode-fechar-150-mil-restaurantes%2c10000049905

Fontes: Estadão